Odebrecht Transport

Desempenho social

Segurança do Trabalho Respeito à vida

O objetivo da Odebrecht TransPort, na área de segurança do trabalho, é preservar vidas, não admitindo qualquer evento grave em suas operações.Por este motivo, a disseminação de conceitos e práticas de prevenção de acidentes é permanente. Esse é um valor da Empresa.

Em 2016, foram realizadas mais de 475 mil horas de treinamentos dedicados à segurança. As empresas registraram 163 acidentes de trabalho, com e sem afastamentos, e um total de 7.096 dias perdidos. Apesar de todos os esforços de conscientização e reforço da cultura da segurança, houve um óbito na operação da SuperVia, com um profissional de uma empresa parceira.

Nas operações de rodovias, na Embraport, SuperVia e RIOgaleão segue a consolidação do Sistema de Gestão de Segurança que cria controles para facilitar as decisões, avaliações e acompanhamento de metas, e promove a melhoria contínua dos processos.

Indicadores de Segurança do Trabalho

Indicadores**TaxaMeta (máximo)
Taxa de acidente com afastamento1,892,20
Taxa de acidente sem afastamento1,823,5
Taxa de acidente simples atendimento ambulatorial4,3411
Taxa de gravidade*16255
Horas de treinamento em função do HHT1,170,8 (superar)

*Dias perdidos no mês, por acidente no mês + dias transportados por acidentes em meses anteriores, porém no mesmo ano + dias debitados por acidentes com redução total ou parcial da capacidade laboral. (Dias perdidos no mês + dias transportados no ano + dias debitados) x 1.000.000 / HHT.
** Das empresas controladas, não considera Otima.

Segurança para quem
utiliza nossos serviços

A segurança dos usuários e a redução do número de acidentes são prioridades das nossas operações.

Nas Rodovias

A segurança viária vem sendo trabalhada em três frentes de forma integrada – medidas operacionais, educativas e de engenharia. Operações especiais em períodos de grande fluxo de veículos, reposicionamento da frota de apoio em pontos estratégicos, revitalização da sinalização e instalação de elementos de segurança são algumas das iniciativas.

Para conscientizar a população sobre a segurança no trânsito, as concessionárias promovem campanhas com teatros, palestras, atividades em escolas públicas, distribuição de folhetos nas praças de pedágio e divulgações em todos os canais de comunicação.

Durante o movimento Maio Amarelo - “Um trânsito seguro começa por você”, as ações realizadas impactaram 82.300 pessoas (1.900 Integrantes, 3.400 participantes de atividades e 77 mil usuários em praças de pedágio e bases de apoio ao usuário).

Houve um pequeno aumento no número de vítimas fatais nas rodovias administradas, passando de 167, em 2015, para 169, em 2016, embora o número total de acidentes tenha reduzido em 10%.

Indicadores de Segurança Viária

Rodovias201420152016Meta (inferior)
IA0,670,861,011,0
Imo1,401,842,512,51

IA = (Nº total de acidentes no período x 1.000.000) / (Volume diário médio de veículos x Extensão total sob concessão x Nº de dias do mês de referência)
Imo = (Nº de acidentes com óbitos no período x 100.000.000) / Volume diário médio de veículos x Extensão total sob concessão x Nº de dias do mês de referência)

Nos trens

Em 2016, os trens da SuperVia percorreram sem acidentes, em média, 11.173.368 carro-quilômetro (soma da quilometragem percorrida por cada carro que compõe um trem), o dobro da distância registrada em 2015, de 4.955.246 carro-quilômetro.

Foram contabilizados sete acidentes no ano passado, menos da metade do que foi registrado em 2015, quando ocorreram 15 acidentes. A melhora neste indicador é resultado do investimento de R$ 2,1 bilhões que vem sendo feito, desde 2011, para renovação do sistema ferroviário.